Publicado por: biancarabelo | 17 de Março de 2010

Vacina Pneumocócica

Boa noite!!! Tudo bem com vocês?

Fiquei  o dia inteiro sem internet hoje, estava quase desistindo quando conectou! Estava dando uma olhada nos meus email antes de postar aqui e recebi um email da minha Tia Rô (liiinda) com sugestão de matéria pro blog! Ebaaaaaa!! Muito obrigada, tia!! Te amooo muito! Obrigada de novo pela matéria! E não poderia ser de um assunto melhor né? Eu faço parte de um projeto de extensão da PUC sobre vacina: “Fique esperto- vacine-se já”, mmuuuuito legal, vou postar muito sobre vacina aqui, simplesmente adoro! E o assunto de hoje é justamente esse… se trata da introdução da vacina Pneumocócica 10 valente (conjugada) no calendário básico de vacinação da criança! Então vamos nessa!

Considerando que a infecção por Streptococcus pneumoniae é uma importante causa de morbi-mortalidade em todo mundo e se constitui em uma das prioridades atuais  das saúde publica , o Mistério da saúde , por meio do programa Nacional de Imunização, incluirá no calendário básico de vacinação da criança a partir de Março 2010, a vacina pneumocócica 10-valente (conjugada) em território Nacional. Sendo isto um grande avanço no combate de doenças invasivas e otite média aguda causadas por Streptococcus pneumoniae sorotipos 1,4,5,6b,7f,9v,14,18c,19f e 23f.

A decisão ocorreu graças ao acordo de transferência de tecnologia para o laboratório nacional Fiocruz, o que viabilizara a sustentabilidade da vacina no pais.O esquema especial será destinada as crianças menores de 2 anos a partir , dos 2 meses de idade contemplando aproximadamente 6 milhões de crianças em todo pais.A partir do segundo ano a vacina passa a incorporar a rotina dos serviços para criança da faixa etária entre 2 a 6 meses de idade.

Aspectos Epidemiológicos

O Streptoccus pneumoniae ou pneumococo é uma bactéria gram-positiva , capsulada , que tem 90 soro tipos imunologicamente distintos de importância epidemiológica mundial na distribuição  das doenças pneumococicas invasivas ( pneumonias bacteremicas,meningite, sepse e artrite) e não invasivas (sinusite,otite media aguda , conjuntivite, bronquite e pneumonia )

Estima-se que, nos países mais pobres aproximadamente 5milhoes de crianças a baixo de 5 anos de idade morrem anualmente de pneumonia. Destas 1 milhão acometidos pelo pneumococo.

Indicações

Imunização ativa de crianças de 2 meses a < 24 meses de idade.

Via de Administração

Administra-se por via intramuscular de preferência na aérea do vasto lateral da coxa da criança.

Esquema de Vacinação

No ano de introdução com finalidade de atingir um grupo etário maior , adotará quatro esquemas diferenciados conforme a faixa etária de início do esquema de vacinação.

Crianças de 2 meses até 6 meses de idade:

O esquema de vacinação consiste em 3 doses de 0,5ml com intervalos de 2 meses entre as doses. Desta forma o esquema será 2,4 e 6 meses com uma dose de reforço recomendada pelo menos 6 meses após a ultima dose do esquema , sendo este preferencialmente entre 12 e 15 meses de idade.

Crianças de 7 à 11 meses de idade:

O esquema de vacinação consiste em duas doses de 0,5ml com intervalos de 2 meses e um reforço no segundo ano da vida, com intervalo pelo menos 2 meses .Preferencialmente entre 12 a 15 meses de idade.

Crianças de 12 à 24 meses de idade:

Dose única , no primeiro ano de vida , sem a necessidade de reforço.

Contra Indicação:

A vacina não deve ser administrada em indivíduos com hipersensibilidade conhecida a qualquer componente da vacina.

Advertências:

Uso pediátrico;

Avaliar o estado de animo das crianças;

Deve ter supervisão disponível caso ocorra um evento anafilático , que é raro , após administração da vacina;

Deve ser adiada em indivíduos que estejam sofrendo de doença febril aguda grave.No entanto , a presença de uma infecção de menor gravidade como um resfriado, não constitui impedimento a vacinação;

A vacina não deve ser administrada por via intravascular ou intradérmica;

Assim como outras vacinas aplicadas por via intramuscular , deve ser administrada por cautela em indivíduos com trombocitopenia ou qualquer outro distúrbio de coagulação , uma vez que pode ocorrer sangramento após á administração intramuscular nestes pacientes;

A criança deve receber o esquema de doses da vacina pneumococica 10-valente (conjugada ) adequada  a sua idade;

Esta vacina não se destina ao uso em adultos  e idosos.

Reações Adversas

As reações mas comuns observadas foram rubor no local da injeção e irritabilidade;

Distúrbio do sistema nervoso;

muito comum: sonolência;

raras convulsões, febre;

doenças respiratórias , torácica e do mediastino;

Incomum: apnéia em bebês muito prematuros ( menor que 28 semanas de gestação).


Muito bacana né?! Espero que tenham gostado! Um grande beijo pra todosss! Em especial Tia Rosane!!!


Responses

  1. PREVENIR DOENÇAS E TUDO DE BOM,MIL BJS


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: